Connect with us

PE 2019

De volta ao Arruda, Santa Cruz bate o Sport e assume a liderança

Foto: Rodrigo Baltar / Santa Cruz

(Por Tiago Medeiros ) Na estreia do Arruda em 2019, Santa Cruz levou vantagem no primeiro Clássico das Multidões da temporada ao vencer o Sport, por 1 a 0, gol do meia Allan Dias, de cabeça, no segundo tempo.

Corais e leoninos entraram em campo vivendo momentos opostos, já que no meio de semana, pela Copa do Brasil, o Santa Cruz passou pelo Sinop-MT (2×1), enquanto o Sport foi eliminado pelo Tombense-MG (3×0). Porém, no primeiro duelo do ano, ambos tinham o mesmo objetivo: a liderança do Estadual.

O jogo

Em um primeiro tempo marcado por um jogo de pouca velocidade e muita marcação, o Sport foi melhor. Logo aos 5 minutos o volante Caio, recebeu boa bola na área e chutou por cima do gol. O Santa Cruz respondeu de forma tímida, aos 7 minutos, com um chute sem direção do volante Charles. Porém, aos 19 minutos, o Sport chegou com perigo. Dessa vez, Caio recebeu na frente da área e tocou para Hernane que girou e tentou a finalização, sendo travado pela zaga. Na volta, a bola ainda sobrou para Caio chutar travado pela zaga.

O Sport teve uma chance clara de gol, aos 23 minutos, com o atacante Guilherme chutar livre, dentro da área, e o goleiro Anderson, no reflexo, salvar com o pé esquerdo. Reposta coral, com Charles cobrando falta, mas Magrão segurou firme no centro do gol. Cuidando-se na marcação tricolores e rubro-negros acabaram se euqilibrando no restante do priemrio tempoe e o zero a zero prevaleu, até o intervalo.

No segundo tempo o Santa Cruz voltou melhor e, aos 8 minutos, poderia ter aberto o marcador, mas Elias chegou atrasado, após um bom cruzamento do atacante Jô. No minutos seguinte, foi a vez do atacante Guilherme Queiroz obrigar Magrão a espalmar para escanteio. Na cobrança, o zagueiro João Victor levou perigo à meta leonina. E foi na bola parada que os tricolores abriram o placar. Numa cobrança de falta, aos 27 minutos, Allan Dias cabeceou e o goleiro Magrão falhou mandando para dentro das próprias redes: 1 a 0. O Sport se lançou ao ataque, mas esbarrou na boa postura defensiva coral, até que, aos 49 minutos, o meia Allan Dias, cabeceia para tirar da área e a bola bate no seu braço. O árbitro Luiz Cláudio Sobral deu lance normal e os jogadores do Sport protestaram indo para cima do árbitro pedindo a marcação de penalidade máxima. Sem mais tempo para nada, o árbitro encerrou a partida com vitória do Santa Cruz: 1 a 0, com direito a assumir a liderança.

Ficha do jogo

Santa Cruz:Anderson; Marcos Martins, João Victor, Danny Morais e Bruno Ré; Lucas, Charles, Diego Lorenzi, Jô (Cesinha), Allan Dias e Elias (Luiz Felipe); Guilherme Queiroz (Neto Costa). Leston Júnior

Sport: Magrão; Norberto, Adryelson, Rafael Thyere e Sander; Ronaldo, Charles (Luan), Ezequiel (Alisson Farias), Kaio e Guilherme; Hernane Brocador (Juninho). Técnico: Milton Cruz.

Local: Arruda (em Recife). Árbitro: Luiz Sobral. Assistentes: Francisco Chaves e Bruno Vieira. Gol: Allan Dias (27 2ºT). Cartões amarelos: Allan Dias, Bruno Ré e Jô (STA). Charles, Luan e Ronaldo (SPO). Cartão vermelho: Juninho (SPO). Público: 16.483. Renda: R$ 301.860,00. 

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Veja Mais

Mais em PE 2019