Connect with us

Sport

Dubeux responde a Milton Bivar sobre finanças do Sport: ‘Tem que trabalhar, sem futrica, sem fofoca’

Foto: André Nery / JC Imagem

O ex-presidente do Sport, Gustavo Dubeux (2011/12) e vice na gestão Arnaldo Barros (2017/18) respondeu às críticas do atual mandatário leonino, Milton Bivar, no tocante à falta de credibilidade do clube e escassez financeira, atribuídas à gestão passada.

“Não tenha dúvidas de que isso é uma atitude pouco inteligente de denegrir as pessoas. Na minha gestão, todos sabem que deixei o clube equilibrado, evolução no patrimônio, principalmente a construção do CT) e, ainda, ficaram R$ 10,3 milhões no caixa, naquela época. Depois, Martorelli fez muito na parte fiscal e Arnaldo Barros fez débitos, mas deixou ativos que o atual presidente está apurando”, enumerou.

Para Dubeux, o atual presidente precisa planejar o futuro e aglutinar forças para que possa fazer com que o Sport retorne à Série A. O ex-presidente enxerga que, sem a presença de clubes que detenham orçamentos maiores que o Leão, é possível voltar à elite do futebol brasileiro, ainda neste ano.

“O atual presidente tem que olhar para a frente, sem ficar criticando as pessoas que ele sucedeu. Tem que trabalhar, procurando apoio, sem futrica, sem fofoca, e com declarações que não constroem nada. É a oportunidade de voltar à Série A, até porque não tem nenhum dos 12 grandes clubes (maior orçamento do que o Sport), dentro da Série B (só Vitória e Coritiba equivalentes). Mas precisa trabalhar olhando pra frente com a união de todos para ter um ano bom. E não está se fazendo caça às bruxas, como vem acontecendo”, finalizou Dubeux, em entrevista a Ralph de Carvalho na Rádio Jornal, nesta segunda-feira (11).

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Veja Mais

Mais em Sport